• (11) 3466.5015
  • contato@lmtelecom.com.br

Engenheira da LM Telecom palestra sobre o futuro da cobertura na SET Expo 2019

Fonte: LM Telecom

Foto - Engenheira da LM Telecom palestra sobre o futuro da cobertura na SET Expo 2019

A Engenheira de Projetos da LM Telecom Fernanda Marinho Magalhães, apresentou sua pesquisa durante a SET Expo 2019 no Painel Acadêmico, com título “Estimativa de Cobertura para Redes de Televisão Terrestre Avançada ATSC 3.0”. Em seu artigo, ela apresentou um estudo numérico de predição de cobertura utilizando o software Progira para avaliar a cobertura nas cidades de Santa Rita do Sapucaí (MG) e São Paulo (SP) utilizando os padrões de televisão digital terrestre ATSC 3.0 e ISDB-Tb.

O atual padrão de TV Digital no Brasil teve início em 2007 com estrutura baseada no padrão japonês ISDB-T. Após 12 anos, as tecnologias avançaram para atender a um cenário principalmente provido pela internet, smartphones, qualidade de imagem - Ultra Alta Definição (UHD) (4K e 8K) - e consequentemente aumento dos dados gerados. O processamento desses dados para que possam ser transmitidos dentro da largura de banda limitada que as emissoras têm não são mais compatíveis com o padrão ISDB-Tb.

Em paralelo ao processo de Switch Off que acontece no Brasil, novos padrões têm surgido na busca por mais eficiência de transmissão. O padrão ATSC 3.0 permite o provimento de novos serviços de alta taxa de dados, por isso tem sido cotado como referência em tecnologia de transmissão televisiva em todo o mundo.

O objetivo da SET é promover e divulgar a produção de conhecimento científico na área da tecnologia de comunicações, audiovisual, telecomunicações, mídia e entretenimento. Os trabalhos foram avaliados pelo Comitê Editorial da SET International Journal of Broadcast Engineering (SET IJBE), periódico científico internacional cujo objetivo é a difusão de conhecimento sobre engenharia de comunicações, especialmente das áreas de broadcast e novas mídias. As versões impressa e digital devem ser feitas até dezembro próximo. O SET IJBE tem acesso aberto (open acess), de submissão continua (article-at-a-time) e revisado por especialistas (peer-review). As edições anteriores podem ser conferidas em http://www.set.org.br/ijbe_/ua (article-at-a-time) e revisado por especialistas (peer-review). As edições anteriores podem ser conferidas em http://www.set.org.br/ijbe_/

Outras Publicações

Radiodifusores buscam apoio das prefeituras para digitalizar o Brasil profundo

A Abert (Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão) está preparando uma cartilha para as prefeituras, do chamado "Brasil p...

Leia +
Aprovada destinação de faixas de frequências de 2,3 GHz e 3,5 GHz

A destinação e o regulamento sobre condições de uso das faixas de radiofrequências de 2,3 GHz e de 3,5 GHz foram deliberadas pelo conselh...

Leia +
Mais da metade da população segue ouvindo rádio.

No ano em que mais da metade da população brasileira ouviu rádio todos os dias, segundo pesquisa Book de Rádio do Kantar Ibope Media, o meio se rein...

Leia +
LM Telecom esteve no Streaming Brasil

Da esquerda para a direita, Representante da Claro, Maurício (ABRATEL), José Eduardo (ABRATEL), Rodrigo Ferreira, gerente LM Telecom   &...

Leia +
Secretário de Radiodifusão quer que público avalie a qualidade do serviço

O secretário de Radiodifusão do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Elifas Gurgel, afirm...

Leia +
Contato

R. São Carlos do Pinhal 696 - Bela Vista São Paulo - SP

11 3466-5022

contato@lmtelecom.com.br

Criado e desenvolvido por Agência Hauze